Verbas Fixas x Verbas Avulsas

Veja como ou quando usar Verbas fixas e Verbas avulsas

  • VERBAS FIXAS

Utilizado para gravar todos os valores fixos que são cobrados todos os meses e que demoram longos períodos para serem alterados e que não possuem parcelas.

Por exemplo: Taxa condominial, Fundo de reserva, Consumo de água ou gás, uma vez gravado, ficará agendado para os próximos meses, podendo ser alterado quando houver necessidade, por exemplo, aumento na taxa condominial.

Em verbas fixas também indicamos se alguma das verbas possui desconto a ser concedido no boleto e também se alguma verba concederá isenção de pagamento.

O sistema considera a porcentagem informada no cadastro de condôminos para conceder a isenção.

verbas-fixas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  • VERBAS AVULSAS

Este campo é utilizado para a gravação de qualquer valor complementar ou extra ao boleto, ou seja, um rateio extra/complementar parcelado para todos os moradores ou uma cobrança de aluguel de salão de festas ou multa do regulamento interno ou qualquer outra verba que será cobrada em parcelas ou em apenas um mês específico.

Importante: Para esse rateio ser incluído na mesma emissão das verbas fixas o vencimento deverá ser o mesmo

Dentro de verbas avulsas temos três opções para lançar as verbas:

Verba complementar – Será incluído na mesma emissão das verbas fixas, ou seja, será impresso no mesmo boleto que a taxa do mês.

Verba extra – Será criada uma emissão a parte, contendo todos os lançamentos extras do mesmo dia, ou seja, não terá nenhum vinculo com o rateio cadastrado em verbas fixas

Verba separada – Este lançamento se tornará uma emissão individual, porém será processado junto com o boleto da taxa mensal, desde que o vencimento dessa verba avulsa seja o mesmo do vencimento padrão da taxa mensal.

Em verbas avulsas também é possível indicar se as verbas possuem desconto ou isenções.

verbas-avulsas