Sistema de gestão a favor da convivência

Assim como a tecnologia melhora o gerenciamento de condomínios e imóveis, os softwares de gestão fazem o mesmo com as relações de convivência. E em tempos de aceleração das atividades cotidianas, onde tudo o que fazemos obedece um cronograma rigoroso, o síndico, que é o responsável pela administração das soluções do dia a dia, é cobrado em tempo integral sobre todos os assuntos do condomínio.

Continue lendo “Sistema de gestão a favor da convivência”

Plano de contas

1 – Plano de contas – (Condominium)

O plano de contas é uma estrutura a qual se constrói e elabora a escrituração, a serem utilizadas nos lançamentos de receitas e despesas, de maneira clara e objetiva.

2 – Estrutura do plano

 

Red. – Esses códigos serão utilizados nos lançamentos de receita e despesa.

Display – Sequencia numérica das contas de primeiro, segundo e terceiro grau:

Descrição – Nome da conta

Desp – Refere-se a “despesa” deverá ser demarcada quando a conta for correspondente a essa categoria.

Mov – Refere-se a “movimentação” ao demarcá-la o sistema entenderá que a mesma poderá ser utilizadas para lançamentos, caso não seja marcada, a conta não poderá ser utilizada para movimentação. As contas que não são de movimentação costumam ser contas “título”, ou seja, somente o título separatório de um novo grupo de contas.

Conta – Representação numérica das contas criadas

Grau – Informa em qual grau encontra-se a conta cadastrada

 

3 A – Criar conta de receita

Dica importante: No caso das contas de receita, não existe a necessidade de criação do terceiro grau.

No primeiro grau é cadastrada a conta “mãe”, ou seja, a separação maior das contas correspondentes, tais como: Ordinária, Fundo de Obras, Fundo de Reserva, etc.

01 – ORDINÁRIA
No segundo grau são criadas as contas “título” de receitas COM movimentação, por exemplo:

002 – Condomínio do mês

A visualização no display será:

01.000.000 –  ORDINÁRIA
01.002.000 – Condomínio do mês

Acesse a tela “Plano de contas” no menu “Cadastro” do módulo Condominium:

Informe o plano de contas que deseja utilizar e clique no botão “Continua”

Siga a sequência abaixo para a criação das novas contas de Receita:

01.000.000 até 01.099.000

Ou seja, no segundo grau reserva-se de 000 até 099 para cadastrar contas de receitas, e de 100 até 999 para contas de despesas.

Sugerimos que a sequencia das contas sejam de 5 em 5, dessa maneira seu plano de contas ficará organizado e fácil de utilizar.

Antes de cadastrar uma nova conta verifique o relatório, para que possa seguir sequência das contas já cadastradas.


Informe no primeiro grau a conta “mãe” correspondente.

Dica Importante: Não utilize o Mouse nesse processo, aperte “enter” no teclado.


No segundo grau informe o número seguindo a sequência do seu último cadastro, bem como o nome da conta a ser criada.


Lembrando que as contas de receita não devem ser demarcadas as opções “Despesa” e “Previsão”.

Após digitar o nome da conta, pressione no teclado Enter > Enter > Enter, até que se conclua o cadastro.

 

3 B – Criar conta de despesa

A rotina para criar as contas de despesa é a mesma que a anterior, porém além do segundo grau utiliza-se também o terceiro (mais utilizado) e em alguns casos, até o quarto grau.

 

No primeiro grau é cadastrada a conta “mãe”:

01 – ORDINÁRIA

No segundo grau são criadas as contas “título” das despesas SEM movimentação, por exemplo:

100 – Salários

No terceiro grau serão criadas as “sub contas” COM movimentação, exemplo:

005 – Adiantamento salarial

A visualização no display será:

01.000.000 – ORDINÁRIA
01.100.000 – Salários (conta título – não é de movimentação)
01.100.005 – Adiantamento salarial (sub-conta – é de movimentação)

As contas títulos são necessárias para melhor organização do plano, bem como melhor demonstração nos relatórios e balancetes.

Dessa maneira são criados grupos de contas correspondentes a um mesmo ramo de atividade, por exemplo: Salários, Encargos trabalhistas, Materiais de limpeza, Manutenção e conservação de equipamentos, etc.